Bancários fecham agências do Santander contra as demissões

De acordo com o balanço do Santander no Brasil, o banco lucrou quase R$ 10 bilhões em 2017, um incremento correspondente a mais de 35% em relação ao ano anterior. Números impressionantes frente ao crescimento da economia, cujo PIB cresceu apenas 1% no mesmo ano, segundo o IBGE.

Entretanto, mesmo descolado desse cenário, o banco continua demitindo funcionários. Até  setembro de 2017, quase 1400 bancários foram demitidos em 12 meses, sem justificativa plausível. Recentemente, com a alteração da legislação trabalhista, ficou ainda mais fácil aos bancos desligarem funcionários visando a redução de custos.

Santander_fechamento_f2Quem paga, portanto, são os clientes – cujo atendimento fica prejudicado –, e os funcionários da ativa, cujo volume de trabalho não dimimui – ao contrário: acumulam as atividades dos colegas desligados.

Por conta disso, bancários de várias cidades em SC realizaram, hoje (20/03), atos de fechamento de agências em protesto, em um movimento que pretende atingir escala nacional caso o banco continue com essas práticas.

 

 

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar

  • Parabens povo. Bancários de Floripa, exemplo de lutas e formação de lideranças.

    Nadir Cardozo Dos Santos