Bancários do Itaú recebem PLR e PCR no dia 20

A verba da PCR será reajustada pelo índice aprovado na proposta da Fenaban, com o valor de R$ 2.900,00

Os bancários do Itaú receberão a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e a Programa Complementar de Resultados (CPR) no próximo dia 20 de setembro.

A primeira parcela da PLR 2019 é composta de regra básica e parcela adicional. A regra básica corresponde a 54% do salário mais valor fixo de R$ 1.474,42 (reajustado em 4,31%), limitado ao valor individual de R$ 7.916,81 ou a 12,8% do lucro líquido do banco apurado no 1º semestre de 2019, o que ocorrer primeiro.

A parcela adicional é a divisão linear de 2,2% do lucro líquido do 1º semestre de 2019, com limite individual de R$ 2.457,36 (reajustado em 4,31%).

PCR

O PCR é uma conquista dos bancários do Itaú, em negociação iniciada em 2003, e é resultado do acordo bianual específico para a verba, reajustado pelo índice conquistado na Campanha Nacional 2018. Neste ano, o valor pago será de R$ 2.900,00.

“A PCR é uma conquista muito importante dos funcionários do Itaú. Todos os anos buscamos melhorar a verba, em cima do lucro do banco, que cresce, graças ao esforço dos trabalhadores”, afirmou Jair Alves, coordenador da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú.

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar