Assessoria Jurídica e Direção do SEEB debatem os impactos da reforma trabalhista

Nesta terça-feira, 27, a direção do SEEB Floripa esteve reunida com a assessoria jurídica da entidade para debater os impactos da reforma trabalhista, que entrou em vigor em 11 de novembro.

O encontro analisou os efeitos imediatos da nova lei trabalhista na vida dos trabalhadores e traçou estratégias para que seja mantida a resistência em defesa dos direitos sociais. “Uma mudança feita nas proporções gigantescas como a que foi feita no Brasil, que muda regras de negociação, contratação e representação sindical, deixa lacunas e danos. Esta reunião jurídica é fundamental. Busca pacificar opiniões para que os dirigentes e os trabalhadores escolham caminhos políticos.”Explicou o assessor jurídico do SEEB, Prudente José Silveira Mello .

Prudente alerta “Hoje já temos visto trabalhadores condenados em 1ª instância a pagarem verbas, chamadas de sucumbência, aos patrões. Isso é inadmissível. É uma afronta ao princípio de livre acesso à justiça”, afirmou.

De acordo com o Secretário de Assuntos Jurídicos do SEEB, Luíz Henrique Pinto Toniolo, alguns bancos também tentam implementar pontos da reforma trabalhista sem discutir antecipadamente com os sindicatos.  “Estamos atentos na defesa intransigente dos direitos dos bancários e dos trabalhadores em geral para que tenham assegurados as garantias previstas na Convenção Coletiva do Trabalho e na Constituição Federal. Disso não abriremos mão”, explicou.

 

SEEB Floripa

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar