Temer sanciona reforma trabalhista

Menos de 48 horas depois de projeto passar pelo Senado, governo Temer sanciona reforma trabalhista, que entra em vigor em 120 dias

O presidente Michel Temer (PMDB) sancionou, na tarde da quinta-feira (13), a nova legislação trabalhista, a maior alteração da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) desde sua criação. Em seu pronunciamento, Temer afirmou que conduz um “governo de diálogo” e que o projeto de lei sancionado é reflexo dessa característica. Abordou a situação do país como de “suposta crise” e avaliou que em apenas 14 meses, seu governo está “revolucionando” o Brasil.

Leia mais na Rede Brasil Atual.

Fonte: Rede Brasil Atual

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar